Sunday, 14 January 2007

Morrão

(...) e conheci esses malucos no meio do cânion do Capivara, no caminho pra fumaça. Dois rapazes de Salvador, gente finíssima. Tinham um mapa mas não entendiam nada de nada e mesmo assim estavam seguindo. Na vibe, pegando a cola dos grupos e se divertindo. Um deles mancava feio, disse que tinha arrebentado o joelho na descida da ladeira do império, logo no começo (eles estavam fazendo o caminho inverso, saindo de Mucugê) da fita. Senti pena porque eu conhecia aquele estilo de mancar e sabia exatamente a dor que o cara estava sentindo. Dei uns analgésicos pra ele. Sentamos sob as pedras, longe dos grupos turísticos pra conspirar e trocar uma idéia. Cada um com um mapa, apontando destinos e trocando informações. Já foi na Serra dos Cristais perguntou um deles. - Que que é isso? - Ah! Rei, você tem que ir pra lá, os cristais brotam do chão. Me apontou no mapa, seguindo o Morrão, mais a leste. Aí estamos no caminho. Na foto o morrão está ao fundo.

No comments:

Post a Comment